Tag

Arquivos nuvem - DP Sistemas

Um sistema ERP na Nuvem é caro ?

By | gestao, Nuvem, POSSEIDOM

Muito se fala em Enterprise Resource Planning (ERP) dentro das empresas, como meio facilitador de gestão, mas a dúvida é: será que esse sistema na Nuvem é caro?

O que é ERP?

Esse sistema de gestão empresarial é um organizador que ajuda no planejamento diário da companhia, seja ela integrada ou automatizada, tornando-a mais competitiva no mercado.

No ERP, pode-se ter o controle de compras, de impostos, do ponto dos funcionários, administração de pessoas, margem de lucro, entre outras atividades operacionais e administrativas.

Por que contratar o ERP na Nuvem?

  • Não é caro.

Por ser feito em modelo de assinatura, a empresa escolhe o “pacote”, ou seja, aquele mais compatível com o uso, medido pelo tempo de consumo, espaço no disco, dados utilizados, por exemplo.

Costuma ser muito mais barato que o modelo tradicional, o qual é instalado diretamente no computador. Os gastos também diminuem, porque a equipe técnica não precisa estar necessariamente no local para dar suporte.

  • É seguro.

Na Nuvem, a tecnologia visa ser mais atualizada para evitar invasões cibernéticas e vazamentos de informações confidenciais, além dos backups serem mais frequentes.

Também conta com o uso de criptografia (codifica e decodifica códigos), fazendo os dados continuarem em segurança.

  • Otimização.

Ter ERP na Nuvem evita erros de planilhas como nas tradicionais, já que tem Inteligência Artificial, está ajudando a absorver todos os dados e aproveitá-los da melhor maneira.

Outra curiosidade é que, com o tempo, a Inteligência Artificial se desenvolve cada vez mais de acordo com os interesses nos levantamentos.

Além disso, os funcionários podem realizar as tarefas diárias de forma mais rápida, redistribuindo esse tempo que antes era ‘’perdido’’ com a versão tradicional.

  • Maior controle.

Acessar o sistema fica ainda mais fácil quando na Nuvem, pois pode ser conectado em todo ambiente corporativo e até fora dele, sendo assim, sempre que necessário, até mesmo em smartphones.

Os colaboradores acabam tendo mais autonomia, podendo evoluir não só pessoalmente, mas também em conjunto.

Então, compensa investir no sistema aliado à Nuvem?

Tudo depende da necessidade da sua empresa, mas no geral, sim. O sistema ERP na Nuvem, por ser personalizável, faz existir mais controle sobre todas as informações.

Além disso, é interessante avaliar a qualidade, buscando por fornecedores que disponibilizam a versão para testes, para verificação do “produto” sem compromisso algum, até para saber o que exatamente você precisa.

Se não existe uma equipe de técnicos de informática qualificada na companhia, é muito importante também contratar esse serviço com uma empresa do ramo que entenda sobre o assunto, já que os dados da companhia devem ser mantidos em total segurança. Um ponto positivo é quando o próprio provedor do ERP já tem essa assistência de qualidade.

O Enterprise Resource Planning na Nuvem pode ser contratado por empresas dos mais diversos segmentos, sejam elas de pequeno, de médio ou de grande porte.

Ficou curioso com o sistema e deseja implantá-lo em seu estabelecimento, trazendo maior segurança e agilidade nos processos? Entre em contato com a gente e saiba como podemos ajudá-lo.

Quais os riscos em não usar um sistema na Nuvem ? Offline !!

By | Nuvem, POSSEIDOM

A adoção de um sistema ERP na sua empresa pode dar excelência às rotinas produtivas, agregando inúmeros benefícios. Por outro lado, muitos não entendem quais os riscos em não usar um sistema na nuvem, optando por um software off-line que pode ser pouco funcional e ainda trazer prejuízos à rotina organizacional da empresa.

Infelizmente, muitos gestores adotam esse tipo de solução, tendo que gastar mais para posteriormente trocar e/ou manter o software. Você não quer perder tempo com isso, certo? Então, veja abaixo quais os riscos em não um usar um sistema na nuvem, adotando uma ferramenta digital que poderá ser um diferencial competitivo.

Falta de atualizações

Algo muito comum em sistemas que não são baseados na nuvem é a falta de atualizações. Isso porque, na grande maioria dos casos, o software conta com um sistema fechado e a atualização só pode ser feita por uma nova instalação, o que geralmente agrega custos e tempo de implementação.

Na nuvem é possível evitar esse risco: as atualizações, de acordo com o sistema, são feitas baseadas no ambiente digital. Ainda, evita-se outro problema comum a opções off-line, a incapacidade de agregar módulos de acordo com a demanda da empresa.

Segurança

Ao contrário do que se pensa, sistemas baseados em nuvem são muito mais seguros que as opções off-line. Isso porque as opções que não estão integradas ao ambiente digital são muito fáceis (e não é exagero nenhum) de serem invadidas caso alguma máquina da empresa esteja infectada.

Por outro lado, sistemas baseados em nuvem geralmente contam com uma performance de segurança mais qualificada, o que dificulta a ação de usuários maliciosos. Esse é um erro muito comum e um risco que os empresários assumem – entendendo, apenas após o roubo ou perda dos seus dados e informações, que a nuvem é mais segura.

Backups

A sobrevivência de uma empresa que trabalha com várias informações, dados, indicadores entre outros, depende de um bom serviço de backup. E, isso precisa estar integrado ao sistema, criando cópias de segurança. Em softwares off-line, o processo não é feito ou, no ‘melhor’ dos casos, é realizado na própria máquina ou servidor do negócio.

O problema é que armazenar backup no mesmo local que as informações originais mantêm o risco de perda. Por exemplo: caso o computador apresente uma falha irreversível, perderá as cópias de segurança conjuntamente. Por isso, devem-se ter backups das aplicações do sistema em nuvem, garantindo a segurança das informações nas duas pontas.

Alto investimento

É fato: sistemas na nuvem trazem menos custos para as empresas. Além do que já abordamos acima, não é preciso investir em ampla infraestrutura, manutenção constante e adição de módulos ou contratação de serviços complementares. O serviço off-line deixa tudo mais burocrático, o que gera altos gastos do começo ao fim.

Incapacidade de integrar setores

Se a empresa é dividida em setores – ou o crescimento proporciona essa divisão – não ter um sistema na nuvem é um risco iminente. Afinal, como integrar a área de compras com as vendas? De que forma o financeiro acessará os dados do setor de logística/estoque?

Além de perder produtividade, cria vários contratempos e erros em informações que não são centralizadas. Na nuvem, todos são integrados e os acessos podem ser liberados de acordo com a competência de cada área.

Dessa forma, conhecendo os ricos em não usar um sistema na nuvem, deve-se adotar a opção ideal para o seu negócio. Acredite: as vantagens são maiores, além de custos e contratempos serem menores.

O que fazer se a internet cair num sistema ERP na Nuvem ?

By | ERP, POSSEIDOM

Para se destacar em um mercado cada vez mais competitivo, é necessário contar com um bom programa de gestão. Neste sentido, o ERP na nuvem pode ser a solução para uma empresa se destacar no ramo empresarial. Mas o que fazer se a internet cair num sistema ERP na nuvem?

Esta é uma dúvida recorrente de empresários e empreendedores que procuram por um sistema de gestão eficiente e competitivo. A pergunta surge porque a ERP na nuvem demanda acesso à internet.

Mas o que nem todo mundo sabe é que a falta de internet não afeta o armazenamento de dados neste sistema. Isso porque o backup das informações é realizado de forma periódica e garante que nenhum dado armazenado na nuvem seja perdido.

Desta forma, quando a internet cair, o recomendável é que você trate de resolver o problema rapidamente ou busque uma fonte alternativa de internet, mesmo que de outra localização.

Os dados continuarão na nuvem para serem acessados de forma remota por qualquer pessoa com acesso permitido, a qualquer hora do dia ou da noite. Caso você ainda não esteja 100% confiante e deseja evitar a todo custo perder conteúdo mais recente, ainda é possível armazenar os dados simultaneamente em servidores tradicionais, o que aumenta a garantia de disponibilidade dos dados na empresa caso a internet caia.

Se você ainda tem dúvidas sobre como funciona o ERP na Nuvem e o que este sistema tem de diferente de ERP Local, continue lendo este artigo e tire suas dúvidas de uma vez por todas.

Por que escolher um ERP na nuvem?

ERP ou Enterprise Resource Planning nada mais é do que um software capaz de integrar a gestão de todos os setores de uma empresa em um único local, oferecendo segurança e praticidade.

Há basicamente dois tipos de ERP no mercado: o ERP na nuvem e o ERP local. Este último permite o armazenamento em servidores próprios da empresa e, apesar não precisar de internet, só pode ser acessado internamente de dentro da empresa.

Já o ERP na Nuvem fica disponível online, e é necessária apenas uma conexão de internet para funcionar. Dessa forma, o empresário pode saber de tudo sobre o seu negócio no conforto de casa ou em qualquer outro lugar, fora do horário comercial.

Ainda em dúvida? Confira abaixo as principais vantagens da ERP na nuvem:

  • Acesso remoto pelo suporte
  • Backup automático
  • Capacidade de armazenamento flexível
  • Baixo custo de implantação
  • Praticidade para acessar
  • Custos previsíveis
  • Segurança de dados
  • Atualizações constantes
  • Facilidade nas atualizações

Está a fim de garantir mais segurança e conforto na gestão do seu negócio com sistema de gestão prático e muito eficiente?

Somos uma empresa que presta serviços em implantação, suporte e manutenção em sistemas ERP desenvolvidos e comercializados por nós.

Trabalhamos com uma linguagem moderna, com um sistema de gestão integrado e modular. Conseguimos desta forma atender o pequeno, médio e grande empresa. Além disso, temos uma equipe de suporte qualificada para atender com excelência.

Ficou interessado? Acesse nosso site para saber mais!

Software de gestão nas nuvens

By | Nuvem

Assim como aconteceu na área pessoal, agora acontece o lado empresarial, mas afinal o que uma empresa ganha ao colocar na nuvem as informações da empresa ? O principal ponto é a liberdade de acessar as informações de qualquer local dentro e fora da empresa.

Segurança das informações é tão ou mais forte do que  em servidores dentro da empresa os acessos são controlados através de senhas e sempre podem existir restrições quanto a origem deste acesso.

Outro ponto muito importante da Computação nas nuvens é a escalabilidade, ou seja a capacidade aumentar de capacidade de processamento conforme a necessidade.

Assim como os grandes serviços de armazenamento ganharam a confiança, agora a DP Sistemas começa a mostrar sua eficiência hospedando as aplicações e os dados nas nuvens.

Quer saber mais :  https://goo.gl/FtzuOv

Por Sam Johnston – http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/b/b5/Cloud_computing.svg, CC BY-SA 3.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=28083204
Solicitar Orçamento

×