Saiba como organizar as finanças do seu negócio

Entenda porque um sistema de gestão no setor contábil pode ser a solução financeira da sua empresa.

Números e métricas: como organizar as finanças empresariais com um sistema de gestão.

O objetivo das empresas é fechar no azul, gerar lucros, continuar operando, abrir filiais, consolidar a marca, entre outros fatores positivos. Porém, para que isso aconteça, é preciso que os gestores organizem suas finanças para que seja possível identificar o que está dando certo e errado. O que muitas pessoas não sabem é que já existem softwares que fazem as contas gerais de forma autônoma e podem contribuir para uma análise geral das contas corporativas. Veja abaixo como organizar as finanças do seu negócio através do sistema de gestão.

Olhando para os números
O principal foco é sempre estar atento ao que os números indicam: a quantidade de entrada e saída de produtos; os gastos com funcionários; os impostos incidentes; a viabilidade comercial de determinados serviços. Tudo isso é primordial para que a saúde financeira da empresa não seja afetada por imprevistos.

Utilizar um sistema de gestão é ter todos estes dados de forma clara. As operações financeiras são automatizadas, aumentando a segurança contábil e estabelecendo padrões. Com os números apresentados pelo software, com uma periodicidade no mínimo mensal, é possível antever se a empresa fechará no vermelho ou azul.

Autonomia ao setor de finanças
É sempre importante delegar as funções da sua empresa para quem entende do assunto. Por isso, não adianta pedir que seu melhor vendedor saiba como está o fluxo de caixa. Tampouco pedirá que o contabilista entre em contato com os clientes para oferecer um produto. É necessário que seu setor financeiro/contábil/administrativo seja o responsável por entender como estão as finanças da empresa.

Os sistemas de gestão podem ser utilizados por todos, desde o colaborador do TI até o pessoal das vendas externas. Mas, sobretudo, é no setor de finanças que ele será amplamente utilizado, pois ali moram os números e dados que mostrarão como andam as contas corporativas. Por isso, invista no seu setor integrando um sistema de gestão que facilite as coisas para os contabilistas e administradores.

Entendendo os indicadores
Você sabe o que é margem de contribuição? E ponto de equilíbrio? Bom, esses são termos comuns na área financeira das empresas, pois apontam se os produtos valem a pena continuar sendo vendidos, se há lucro líquido e quanto é necessário vender para atingir ao menos o ‘saldo zero’. São vários os termos e indicadores, por isso é necessário que você tenha conhecimento da maioria para não patinar.

Se parece complicado, invista em um sistema de gestão que mostra todos esses indicadores. Sim: é possível saber da realidade financeira através de dados que abrangem toda a estrutura da empresa. Os gastos com horas extras e o estoque excedente, por exemplo, também possuem indicadores próprios, que os softwares de gestão fazem com primazia.

Controlar as finanças nunca ficou tão fácil
É fato: hoje as empresas só têm prejuízos enormes se não olharem para o que o sistema de gestão aponta. Organizar as finanças corporativas está cada vez mais simples, pois o mundo digital permite a integração de dados, agilidade nos processos e capacitação dos setores através dos softwares integrados.

Quer arrumar agora mesmo as finanças da sua empresa? Então aposte no ERP Posseidom da DP Sistemas, que faz a análise financeira completa da sua organização, apontando onde há gasto excessivo e quais são os setores em que o investimento está dando certo. Assim, você tem mais tempo para prospectar novos clientes e expandir ainda mais sua empresa.

Comentários

Comentários

Solicitar Orçamento

×