Como utilizar o Markup no calculo de preço de venda ?

Como determinar o valor de um produto de forma a cobrir corretamente as suas despesas e obter um lucro justo? Essa talvez seja uma das principais dúvidas de quem não tem experiência no comércio. Mas para saber o quanto cobrar sem ter prejuízos e de forma justa com os clientes, existe a fórmula de cálculo markup.

Para quem nunca ouviu falar nisso, trata-se de um índice multiplicador aplicado sobre o custo de um determinado serviço ou produto para que se estabeleça o seu preço final. Ao se calcular esse indicador, composto de taxas fixas e variáveis, sabemos por quanto devemos vender cada artigo de modo a cobrir todos os gastos e garantir um retorno aceitável.

Além disso, com a aplicação do cálculo fica mais fácil definir os limites de descontos para cada produto. Também fica mais simples o processo de precificação das vendas, pois os próprios funcionários podem aplicar a fórmula, evitando que você tenha que determinar o valor de cada artigo.

Cálculo

Antes de calcular o preço de um produto através do markup, é preciso ficar atento a alguns detalhes como a identificação dos percentuais de gatos fixos, despesas variáveis e o lucro presumido para cada item vendido. A partir disso, a aplicação da fórmula é muito simples:

100 / [100 – (DV + DF + LP)]

Com isso, podemos dizer que o total definido na etiqueta de preço é a soma de todos esses elementos, inclusive a margem de lucro. Mas o que compõe cada um dos itens que formam o markup? É importante identificar cada um deles com clareza para que o valor final do artigo não seja alterado para mais ou para menos.

Custo Direto: é o gasto com a aquisição de um produto.

Despesas variáveis: são aquelas que estão ligadas diretamente a venda do item, como a cobrança de impostos e as comissões dos vendedores.

Despesas fixas: são os gastos com taxas administrativas, comerciais, financeiras etc., ou seja, são todos os passivos que não estão incorporados diretamente ao valor do artigo.

Margem de lucro: é o que se espera ganhar sobre o preço inicial unitário de cada produto. Ela pode ser igual para todos os itens vendidos ou ser flexibilizada de acordo com cada peça ou serviço oferecido.

Ressalvas

A utilização da fórmula markup pode ser aplicada de forma eficaz para a precificação na maioria dos casos, na maioria dos negócios, porém alguns cuidados devem ser tomados. Antes de qualquer coisa, converse com o seu contador para entender quais os impostos que incidem sobre as suas mercadorias.

Outro cuidado a ser adotado é buscar informações sobre os preços cobrados por seus concorrentes para que sua empresa não pratique valores acima ou abaixo da média do mercado, pois isso pode, no final das contas, acarretarem prejuízos.

Por fim, agora que você sabe como funciona o índice markup pode cobrar com segurança por seus produtos. Lembre-se, tão importante quanto oferecer um produto de qualidade é obter um retorno justo por ele, pois isso é fundamental para o crescimento do seu negócio.

Comentários

Comentários

Solicitar Orçamento

×